Close

LOGIN

Close

Register

Close

Lost Password

MANIFESTO DA REDE NACIONAL FEMINISTA DE SAÚDE, DIREITOS SEXUAIS E DIREITOS REPRODUTIVOS

A Rede Nacional Feminista, fundada em 1991, que congrega mulheres de todo o país, com foco na Saúde da Mulher, e atua em diferentes esferas da sociedade civil, do poder público e no parlamento, vem a público neste 8 de Março, Dia Internacional da Mulher, se pronunciar nos seguintes termos:

Vivemos sob Governos – não só o Federal, mas em muitos estados e inúmeros municípios- que praticam uma política conscientemente excludente e discriminatória contra nós, mulheres. Em todas as esferas de poder, não só as instituições de defesa das mulheres, mas muitos órgãos de promoção social, de saúde, de direitos humanos e outros, foram desmontados, colocados em plano inferior, renegados.
Enquanto o desmonte do sistema de proteção às mulheres se realiza, as mortes de mulheres por causas evitáveis se ampliam e o quadro provocado pela epidemia de Covid 19 só torna mais agudas todas as carências. Cresce o número de mortes maternas, amplia-se a incidência de câncer de mama e de colo de útero, ao mesmo tempo que a prevenção e o tratamento se reduzem. Essas mortes evitáveis são o preço que pagamos pelos retrocessos nas políticas públicas
para as mulheres.
Nas mesmas esferas de poder, o crescimento da execrável ideologia machista, tem como consequência o aumento da violência contra a mulher. Banaliza e justifica a violência doméstica; a posição subalterna da mulher na família e na sociedade; a remuneração menor do trabalho feminino. Torna a mulher objeto, cujo corpo é considerado propriedade do homem. Torna a mulher que não se submete ao homem, passível de morte, de feminicídio.
Não podemos esquecer que tudo que nos oprime, nestes tempos difíceis, busca, antes de tudo dissolver nossa identidade feminina, de mulheres. É essa identidade- biológica, sexual, social, reprodutiva- que nós, e cada uma das mulheres, possuímos que nos congrega, nos fortalece. Exercê-la é nos vermos como iguais.
Exercê-la é fortalecer a rede de interesses e afetos que nos constituem. Exercê-la é despir os preconceitos e perceber a beleza intima de cada mulher.

A RFS nos estimula a ir para as ruas nesta data e somar nossas vozes para exigir as mudanças que queremos.
POR UM PAÍS SEM MACHISMO, SEM RACISMO E SEM FOME!
CHEGA DE TANTA DESIGUALDADE !
EM DEFESA DE NOSSOS DIREITOS SEXUAIS E REPRODUTIVOS!
MAIS RECURSOS PARA O SUS E PARA A PESQUISA !
BOLSONARO NUNCA MAIS!

 

8 DE MARÇO DE 2022.

    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *

    Thanks for submitting your comment!